Sporophila angolensis

curió

Chestnut-bellied Seed-Finch

 

Ameaçada de extinção (SP)

 

Atualização 18/1/2009

 

 

Distribuição Geral

Todas as regiões do Brasil. Do México à Bolívia, Paraguai e Argentina. (Sick 1997)

Distribuição no Estado de São Paulo

Populações

Certas populações muito procuradas por passarinheiros, como o "curió-tanoeiro" da baixada de Jacarepaguá (Cidade do Rio de Janeiro), já desapareceram na natureza (Coimbra Filho 1986 apud Sick 1997).

Ecologia

Vive à beira da mata e pântanos, à procura de sementes de tiririca, Cyperus rotundus. Entra também na mata. (Sick 1997) Pode juntar-se a bandos de papa-capins (Ridgely & Tudor 1989).

Ameaças

Muito procurado como pássaro de gaiola (Sick 1997). Esta é considerada a principal ameaça e causa de seu desaparecimento das regiões mais habitadas do país (Machado 1998). A grande pressão de caça a essa espécie pode ser constatada nesse trecho em que Willis & Oniki (1993) dizem que essa atividade "é incrivelmente eficiente para eliminar uma espécie anteriormente comum, exceto em lugares onde nós não dizemos para ninguém que ela existe".

Medidas tomadas

Medidas propostas

Criação em cativeiro e repovoamento em áreas protegidas com menor pressão antrópica (Machado 1998).

Nível de ameaça

São Paulo (1998): Vulnerável.

Preservação ex-situ

Já foi conseguida a criação e reprodução em cativeiro (Lote 1987).